• 12/01/2018
  • Kazuo
  • Classics

Eddie “Fast” Clarke (ex-Motörhead): 1950 – 2018

Na última quinta-feira 11 de janeiro as redes sociais oficiais do inativo Motörhead, confirmaram a morte de seu ex-guitarrista Eddie “Fast” Clarke, que faleceu aos 67 anos. “Fast” Eddie era o último integrante vivo da formação clássica em trio que gravou os álbuns clássicos do Motörhead entre o fim dos anos 1970 e início dos 1980.

“Fast” Eddie em 2014 (Foto: reprodução)

Eddie faleceu na quarta-feira 10 de janeiro, vítima de uma pneumonia. Nascido Edward Allan Clarke em 05 de outubro de 1950, o guitarrista participou dos cinco primeiros álbuns do conjunto “Motörhead” (1977), “Overkill” e “Bomber” (1979), “Ace of Spades” (1980) e “Iron Fist” (1982).

O guitarrista deixou a banda do também já falecido Lemmy Kilmister (baixo/voz), pouco depois do lançamento de “Iron Fist”, tendo sido substituído por Brian Robertson (ex-Thin Lizzy). Apesar das diferenças entre Eddie e Lemmy naquela época, a relação entre ambos era boa nas últimas décadas.

Eddie Clarke, Phil Taylor e Lemmy Kilmister, o trio clássico do Motörhead. (divulgação)

Depois do Motörhead, Eddie formou o Fastway junto com Pete Way, baixista original do inglês UFO. O Fastway teve repercussão nos anos 1980, incluindo-se no Brasil com o hit “Say What You Will” do primeiro álbum auto-intitulado de 1983. Apesar de sair de cena nos anos 1990, o Fastway retornou em 2011 com o álbum “Eat Dog Eat”.

O último registro lançado por “Fast” Eddie foi o álbum solo “Make My Day – Back to Blues” de 2014.

Relembre “Say What You Will” do Fastway

Relembre o vídeo de “Iron Fist” com a formação clássica do Motörhead

- Siga o Playback FC no Twitter @PlaybackFC

Comentários